A carreira dessa farmacêutica é um exemplo principalmente de como agarrar as oportunidades que a vida oferece, porque a carreira dela mudou muito quando ela se dispôs a correr riscos, tomando atitudes diferentes do caminho mais usual. Uma delas foi a atitude de se especializar em farmácia estética.

A Dra Graziely Zucolin se formou em Farmácia Bioquímica em 2011, o que a levou a trabalhar em drogarias por vários anos, em experiências lotadas de importância, mas que acabaram por desgastá-la muito, como é frequente entre profissionais da saúde.

Nessa realidade, uma das atitudes de destaque responsáveis por um avanço importante que ela identifica na própria carreira aconteceu ainda enquanto trabalhava em uma drogaria, resultou no desenvolvimento de uma habilidade que tem sido muito importante em seu trabalho como farmacêutica esteta, e é uma história engraçada.

Acontece que Dra Graziely não gostava nenhum pouco de injeções, e durante a adolescência inclusive fugiu de várias delas. Então você pode imaginar que ao longo da graduação isso foi um grande problema, ela entrava em pânico quando tinha então que praticar injetáveis na graduação, e se formou ainda com essa particularidade, conseguindo aprender o básico dessas práticas.

Mas foi trabalhando dentro das drogarias que ela realmente praticou e evoluiu suas habilidades nesse sentido, embora sempre fugindo dessa responsabilidade.

Ela finalmente resolveu mudar isso, e tomou a atitude mais “fake it until you make it” possível: na última farmácia em que trabalhou, ela contou para todos os colegas o contrário do que era sua realidade, dizendo que ela amava realizar injetáveis, e convocando todo mundo a passar essa função para ela sempre que possível.

Assim, Dra Grazieliy foi ultrapassando suas dificuldades com essa prática e, quando deu por si, estava adorando fazer, se atualizando sobre todas as novidades que chegavam à farmácia e as repassando para as colegas farmacêuticas.

E ela conta que se realizou com o próprio trabalho nas drogarias por onde passou também, tendo atuado tanto em estabelecimento de bairro quanto em farmácia de rede, e nesta última atingiu inclusive seu objetivo de se tornar RT. Depois de um tempo, no entanto, veio a sobrecarga de trabalho, que causou um princípio de burn out, e por isso uma nova urgência por mudança em sua vida.

se especializar em farmácia estética
Divulgação: Thais Simplicio

A decisão de se especializar em farmácia estética

Neste momento em que as coisas estavam fora dos eixos, apareceu um anúncio no Facebook que chamou a atenção do marido dela: era uma oportunidade para trabalhar com injetáveis em uma clínica na cidade ao lado, Itu (SP), a qual ela não deu tanta atenção inicialmente, porque não se identificava com a estética, e provavelmente ia ter que fazer uma pós na área, o que ela também não estava disposta, então a princípio não lhe parecia uma boa alternativa.

Aqui, vale falar de um outro aspecto da vida desta farmacêutica, porque ela teve um contato anterior com procedimentos estéticos, não enquanto profissional da saúde, mas como paciente, o que é muito frequente na trajetória de profissionais que se especializam para trabalhar com saúde estética, e muitas vezes um motivador para o direcionamento de carreira, já que se tem uma outra perspectiva sobre os procedimentos estéticos, uma vez notando os resultados no espelho, na própria pele.

No caso da Dra Gaziely, ela sempre se dedicou à musculação. Ela chegou ao nível de competir em campeonatos de fisiculturismo, ganhando vários deles. E, como parte da rotina de treinos e preparação para os campeonatos, seu treinador pedia que ela fizesse alguns procedimentos. Aliando tudo isso, ela percebeu o quanto os procedimentos traziam resultados e a ajudavam a alcançar seus objetivos no fisiculturismo.

Mas este não foi um estalo para se especializar em estética, a farmacêutica de fato não se identificava, não percebia como algo que poderia fazer parte de seu escopo de atuação.

Aquele anúncio no Facebook em um momento que demandava mudança a fez repensar. E foi a partir daí que ela resolveu mais uma vez tomar um caminho fora do usual, entrou em contato para saber mais sobre a vaga e encontrou uma possibilidade mais otimista do que imaginava, a possibilidade de realizar cursos livres e ver se na prática se identificaria ou não com a realização de procedimentos estéticos.

O primeiro curso foi o de Intradermoterapia. Fez o curso e começou a atender nessa clínica de Itu, ainda com a mentalidade de obter apenas uma renda extra.

Seus amigos começaram a se interessar, o pessoal da academia também se empolgou e mostrou vontade de realizar os procedimentos.

Nesse contexto, o trabalho na drogaria estava insustentável e ela acabou sendo desligada. E então decidiu, aí sim, realizar um curso mais completo, uma pós-graduação para torná-la farmacêutica esteta.

Ela iniciou o curso de especialização em setembro do ano passado e, de lá para cá, vem estudando e evoluindo muito na área, realizando diversos cursos específicos simultaneamente à pós. Hoje, a Graziely se vê aproveitando esse processo e tudo o que ele tem a oferecer. Em especial, expressa que a pós tem sido um sonho em sua vida:

“E eu sempre comento com o pessoal que essa pós-graduação tem sido um sonho para mim, um sonho que eu nem sabia que eu tinha, porque tudo o que eu vou estudar, todas as matérias eu estou completamente apaixonada por tudo, e eu quero saber tudo, eu quero estudar”, comenta.

A mudança de carreira

Além de estar aproveitando o processo, o que ela pode oferecer a seus pacientes é o que mais a tem realizado profissionalmente. Levando o lema “se eu consegui, você também pode, é uma questão de alinhamento de corpo, mente e espírito”, ela carrega toda sua capacitação e experiência para ajudar na transformação de seus pacientes, indicando também outros profissionais que possam auxiliar em um cuidado mais integrado.

Junto a isso, há a mudança na qualidade de vida pessoal, uma vez que tem encontrado muito mais flexibilidade para aproveitar a vida além do trabalho, consegue ter vida social, dormir bem, não trabalhar mais em ocasiões especiais, se programar para viagens curtas.

É abraçando as oportunidades, estudando e se dedicando com tudo de si que a Dra Graziely está consolidando uma carreira muito especial na farmácia estética. O próximo grande passo agora é abrir o próprio espaço, e colocar em prática tudo o que tem construído em sua formação, com mais autonomia e do seu jeito. Uma verdadeira revolução de carreira.

nepuga nepuga