10/10 um marco na Biomedicina Estética!

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

“Há onze anos atrás neste dia 08 de outubro de 2010 eu me preparava para fazer a viagem que mudaria a minha vida e a vida de CENTENAS DE MILHARES de biomédicos e profissionais da saúde”.

 

 

Relembrando o momento em que deu início a Biomedicina Estética, a Dra. Ana Carolina Puga conta os detalhes do momento em que se apresentou à Plenária do Conselho de Biomedicina para defender a inclusão da habilitação em estética.

 

 

Foi no dia 10/10/2010 que a Dra. Ana Carolina Puga defendeu com unhas e dentes o seu posicionamento perante a Plenária no XII Congresso Brasileiro de Biomedicina, que aconteceu em Recife-PE, naquele ano. 

 

Dividindo opiniões sobre a Biomedicina Estética

 

 

Enfrentando opiniões diversas, a Dra. conta que muitos profissionais acreditavam que a estética iria denegrir a imagem do biomédico perante a sociedade científica. No entanto, ela estava pronta para responder toda e qualquer tentativa de abalo “Cresci ouvindo: Um dia é da caça, e o outro é do caçador. E aquele foi o dia do caçador, foi o meu dia, e foi o seu, porque eu estava ali na caça, lutando pelos nossos direitos, pela nossa liberdade profissional e a real atuação do biomédico na Saúde Estética”, declara.

 

 

A apresentação da Dra. Ana Carolina Puga aquele dia foi o que garantiu a conquista pela liberdade do biomédico na atuação como profissional liberal. É graças a esse fatídico dia, onze anos atrás, que hoje milhares de profissionais têm o direito de abrirem suas clínicas, fazer seus próprios horários  e terem o tão sonhado reconhecimento, atuando como profissional da saúde e ganhando muito bem pra isso.

 

 

Com um prazo de 20 minutos e um certo desinteresse inicial da plateia, a Dra. Ana iniciou a argumentação “Eu engatei e comecei a falar do que seria então a Biomedicina Estética, expliquei que os conhecimentos que o biomédico já possuía seriam aplicado nesta área, a diferença entre estética e Saúde Estética, o quanto esta nova habilitação faria a nossa biomedicina crescer”.

 

O início da classe de Biomédicos Estetas

 

Quase que prevendo o futuro da classe, esse foi o ponto de partida para que hoje os biomédicos fossem mais conhecidos, respeitados e valorizados. Mas a profissional que sempre demonstrou paixão pela biomedicina não sabia o quanto a nova área ajudaria financeiramente inúmeras biomédicas, o quanto esta área faria com que muitos biomédicos que já haviam desistido da sua profissão começassem a amar novamente a biomedicina e se encontrar nela, e o quanto muitos outros profissionais fariam biomedicina para atuarem exclusivamente na Biomedicina Estética.

 

 

Depois de apresentar toda a fundamentação sobre os procedimentos atualmente regulamentados, os 20 minutos iniciais se transformaram em 2:30 hrs, e após a exposição, a Dra. deixou a plenária junto com os demais presentes. FInalizada, a votação entre a diretoria do CFBM, os presentes foram chamados para ouvir o veredito, “Era o resultado da votação mais desejada nos últimos 4 anos, e naquele momento, Dr Silvio Cecchi se posicionou ao meu lado e disse que por quase unanimidade, sendo apenas 1 voto contra, a habilitação em Biomedicina Estética foi aprovada”, conta ela.

 

 

Esse momento foi o que estruturou o futuro da biomedicina como conhecemos hoje, e o que possibilitou que a Biomedicina Estética se tornasse uma das áreas que mais cresce no Brasil. Por isso, o dia 10/10 é lendário para nós do Nepuga/FAPUGA e para toda classe de profissionais estetas que hoje estão realizados atuando na Saúde Estética.

 

Para ler o relato da Dra. Ana Carolina Puga na íntegra, clique aqui!

nepuga

Tenha acesso a todos os vídeos e conteúdos do nosso Curso Online

Matricule-se mais abaixo para continuar assistindo