Uma história de paixão pela estética: Dra. Patrícia Bernardes

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Dra. Patricia Bernardes Rodrigues, mesmo bem sucedida em sua área de atuação, sentiu que precisava ir em busca de algo a mais. Graduada em Biomedicina pela ULBRA e Pós-graduada em Biomedicina Estética, a aluna conta sobre a sua trajetória até aqui.

“Há 9 anos resolvi montar meu próprio negócio, um laboratório de análises clínicas em uma cidade pequena e que eu não conhecia ninguém! Só eu sei como foi difícil, mulher e desconhecida tendo que resolver tudo sozinha com médicos, pacientes, prefeito, secretários, etc… hehe… mas com seriedade e profissionalismo consegui fazer um trabalho maravilhoso e adquiri o respeito de todos!”

A Dra. Patricia, que sempre morou em  Cachoeira do Sul/RS, comenta sobre as dificuldades que enfrentou para ter seu próprio negócio, e desabafa sobre os desafios de ser empresária e mulher:

Só nós mulheres sabemos o preconceito, você é empresária, independente, decidi tudo sozinha, mas não podemos esquecer que somos mulheres sensíveis, frágeis às vezes, e tudo bem, isso acontece e é normal, não precisamos ser 100% fortes o tempo todo!”

A Dra. Patrícia que é Professora em Estética avançada e Especialista em Harmonização Facial e Corporal, conta sobre como se tornou uma profissional esteta  “Quando estava tudo ok, achei que faltava um brilho na minha vida profissional, foi aí que surgiu a estética e encontrei meu propósito de vida! Mas sozinha me fiz as seguintes perguntas: E agora? Começar tudo novamente? Abandonar meu negócio de 8 anos? Me apaixonei pela estética e dentro de mim algo me dizia que deveria começar tudo novamente!”

A trajetória na estética

estética

A aluna egressa iniciou sua pós-graduação no Nepuga e a partir daí sua vida mudou completamente, trilhando um belo caminho na área estética, ela conta que teve um apoio especial nessa jornada “Como gosto de desafios resolvi iniciar em Porto Alegre, e ouvi muitos ‘Tu é louca, vai jogar o laboratório fora e se mudar para Porto Alegre?’ Até que o anjo da minha vida, minha avó, olhou pra mim chorando e disse, ‘Eu vou sentir saudade, mas se é isso que quer não dá bola para o que os outros dizem , e eu te apoio’. E então aqui estou eu, a mais de ano em Porto Alegre, atendendo no lugar que quero, dando aula quando dá tempo e atendendo em Santa Cruz e Cachoeira também!”

 

Ela relata que trocar de profissão foi uma das melhores coisas que fez da vida, e que mesmo com um negócio sólido não se arrepende da escolha, afinal fazer aquilo que se ama não tem preço “Com meu trabalho faço muitas pessoas felizes e isso me faz mais feliz ainda! Isso vale cada segundo de frio na barriga que já senti”

nepuga

Tenha acesso a todos os vídeos e conteúdos do nosso Curso Online

Matricule-se mais abaixo para continuar assistindo